terça-feira, 16 de julho de 2019

50 anos de retorno de Elvis aos palcos!!!



Depois do estrondoso sucesso do Comeback Special transmitido pela NBC no dia 03 de Dezembro de 1968, Elvis e o Coronel Tom Parker começavam a pensar em uma volta aos palcos para o ano de 1969. Um acordo foi fechado em 19 de dezembro de 1968, entre o coronel e Alex Shoofey, vice-presidente executivo do Las Vegas International Hotel, para que Elvis se apresentasse por quatro semanas, dois shows por noite, sete noites por semana, por uma quantia fantástica de US $ 100.000. por semana. Oferecidos são o telegrama original e carta confirmando este acordo.  O contrato com Hollywood já estava para terminar, Elvis já estava de saco cheio dos filmes, as críticas sobre o Comeback Special era que o especial de natal tinha sido sucesso absoluto. Porém Elvis não pisava em um palco desde 1961.




Mas sua proximidade com o público mesmo no especial da NBC já dava sinais de que ele ainda era o rei do rock, sendo que o especial intensificou muito bem quem ele era, o que já tinha feito pela cultura em geral e o que conseguiria produzir dali em diante. O Coronel Tom Parker foi sondado pela gerência do International Hotel, que seria inaugurado em breve em Las Vegas.
Essa volta foi o que consolidou Elvis novamente nas paradas. Quando assistimos o That´s The Way It Is o primeiro de 1970, dá pra ter uma ideia de como foi esse retorno do Elvis aos palcos. Em 1969 seu público não era somente de adolescentes, muitos jovens recém-casados tinham acompanhado Elvis no início de carreira na TV, nos cinemas e agora tinham a oportunidade de ver Elvis In Person nos palcos, mais precisamente do International Hotel. No filme TTWII há depoimentos do presidente do International Hotel Alex Shoofey falando que os meses que antecediam uma temporada de Elvis, o hotel recebia cartas do mundo inteiro, muitas da Europa, dos Estados Unidos as cartas chegavam de todos os estados; o filme também mostra como ficava o hotel em um dia de show do Elvis, o material promocional, a equipe de funcionários, muito material promocional, minha vontade quando assisto o TTWII  e vejo tudo aquilo  era de estar lá com um carrinho de supermercado pra levar tudo pra casa. Apesar de o filme ser de 1970, não deve ser muito diferente do que aconteceu um ano antes em 1969.
Elvis voltou aos palcos no dia 31 de Julho de 1969 e quem ouviu o FTD All Shook Up  ou o Viva Las Vegas duplo pode ter uma ideia de como foi essa temporada.
Bom, agora em 2019 completa 50 anos da volta de Elvis aos palcos e a Sony vem com uma caixa que arrebenta com o coração (e vai arrebentar com o bolso) de qualquer fã. Quase todos os shows já foram lançados em outros CDs anteriormente, mas esse vem com um livreto com fotos e depoimentos de Elvis, Tom Jones, George Klein e mais uma penca de gente que estava lá. O lançamento está previsto para o mês de Agosto. 


segunda-feira, 13 de maio de 2019

Homenagem do blog ao Dia das Mães


Costumo dizer sempre que os verdadeiros amigos que Elvis teve em vida foram seus pais, a avó e George Klein. E hoje (tá certo, tá atrasado) mas gostaria de prestar essa homenagem para Gladys. Mamãe do nosso Elvis.







sábado, 13 de abril de 2019

Documentário The Final Chapter (2002)



Quando se fala em Elvis, principalmente sobre o final de sua vida e carreira o que mais se pergunta é: O que aconteceu?, Por que aconteceu?, Tinha que acontecer? Essas e outras perguntas são respondidas no vídeo Elvis: The Final Chapter produzido em 2002. Upei esse vídeo no you tube em 2013. Um documentário de 50 e poucos minutos com depoimentos de gente que trabalhou com Elvis como é o caso de Joe Esposito (embora Elvis o tivesse como amigo), Sheyla Ryan (namorou Elvis entre o final de 1973 e início de 1975), atrizes que trabalharam com Elvis como: Francine York (Tickle Me), Mary Ann Mobley (Harum Scarum), Sheree North (The Trouble With Girls), Diane McBain (Spinout) e Sue Ann Langdon (Frankie and Johnny). Também há os depoimentos de Don Wilson que conviveu com Elvis, aparece como amigo. Em “The Final Chapter” é falado muito sobre a carreira cinematográfica (nada muito específico sobre um ou outro filme em questão) apenas um panorama geral, o retorno aos palcos em Las Vegas e os anos finais. Nos depoimentos também nos leva a reflexão sobre o Coronel Tom Parker, até que ponto ele embolou o meio de campo e atrasou o lado de Elvis. Eu não diria que esse vídeo é 100% sensacionalista, mas tem coisa que foi dita ali que deveria ser omitida em respeito a Elvis. Mas assista esse vídeo e se puder comente ou lá no you tube ou aqui pelo blog.

sábado, 19 de janeiro de 2019

84 anos de Elvis Presley (Parte ll)


No último dia 08 de janeiro comemoramos o aniversário de Elvis. Bom, eu comemorei à minha moda. Para todos os meus amigos em Elvis mandei os parabéns, uma foto de aniversário e dizendo que Elvis aproxima as pessoas, conecta as pessoas através de sua música e sua história. Também ouvi seus CDs o dia todo. Mas procurei na semana que antecedia o aniversário, na semana do aniversário e na semana seguinte fotos do bolo de 2019 da Elvis Week que é realizada em Graceland. Pelo google não encontrei nada. Talvez naquela rede social (onde todo mundo passa o dia hoje em dia) tivesse alguma coisa, mas eu estou fora de lá. Eis que no VK uma rede social russa, igual era o orkut, encontrei as fotos do bolo.
O triste é que a mídia (já faz um tempo) só dá destaque para as celebridades instantâneas, reality-shows inúteis e nada se fala das raízes da cultura. Não me refiro só a Elvis, mas no geral em cinema, teatro, se depender de uma tal emissora, só se escuta falar de sua teledramartugia, que o mundo pode estar acabando e eles estão passando novela. E pra piorar a situação, quando alguma emissora fala de Elvis já colocam um cover pra (ilustrar, mas só conseguem denegrir a imagem do Elvis ainda mais).
Mas,  também... com o público medíocre de hoje em dia que prefere assistir a uma dança dos famosos, ou um reality show de artista falido confinado em uma fazenda... é aceitável.
Mas tudo bem, não precisamos que a mídia fale de Elvis, nós seus verdadeiros fãs temos os canais certos pra isso,  Elvis conseguiu se fazer sozinho, em uma época que não tinha internet, a TV era algo para poucos.Longa Vida Ao Rei.







segunda-feira, 7 de janeiro de 2019

84 anos de Elvis Presley!!!



Hoje, dia 08 de janeiro de 2019, Elvis Presley completa 84 anos. Sim, ele está vivo em cada fã que escuta sua música, assiste seus filmes, respeita sua obra, assiste os documentários, que usa uma camisa estampada com sua imagem (no meu caso uso para trabalhar, viajar, e é um prazer enorme), se junta com amigos fãs de Elvis e passam um dia falando sobre sua carreira, sobre os lançamentos, ou se juntam para assistir um show, assistir os filmes, para falar de discos, de DVDs, enfim, Elvis está vivo em cada fã que vive Elvis. O fã que lê os livros relacionados a Elvis, que coleciona discos, fotos, DVDs, VHSs, fita k7, revistas, matéria de jornal ou revista, que tem músicas do Elvis na playlist do celular, ouve nas plataformas digitais, tem fotos salvas no celular, tem um pôster na parede, ou no meu caso um quadro na parede do ambiente de trabalho, no computador, que assiste o”That´s The Way It Is” pela milésima vez, esse é o fã que Elvis Presley merece, o fã que vive Elvis.
Colecionar itens relacionados a Elvis é um trabalho árduo. Além dos vinis, CDs, os FTDs, os bootlegs que muitas vezes vem com um acabamento feito com muito cuidado e profissionalismo. Ainda tem muita coisa de Elvis pra sair. Nós do humilde blog Vamos Falar de Elvis desejamos a vocês um Happy Elvis´s Birthday. Comemore ouvindo Elvis, assistindo Elvis, sem depender da TV aberta ou paga que nessas horas parecem que fazem questão de nada falar. Mas tudo bem, nós temos todos os DVDs, discos, CDs e tantas horas de arquivo...
Eu já devo ter contado isso por aqui, mas vou contar de novo. Eu conheci Elvis a partir de três discos que tinha em casa. Today (de 1975) https://letstalkaboutelvis.blogspot.com/2013/12/elvis-today-disco-de-1975.html , Elvis By Request Specially For Brazil https://letstalkaboutelvis.blogspot.com/2017/07/elvis-by-request-specially-for-brazil.html ,  e Welcome To My World https://letstalkaboutelvis.blogspot.com/2017/08/welcome-to-my-world.html . Difícil explicar como esses discos vieram parar em casa. Pois, nem papai, nem mamãe eram tão fãs de Elvis assim. Talvez meu pai os comprou depois de 1977. Mas minha Elvis Mania começou a partir desses discos. Outro disco que um amigo meu me emprestou também foi o Elvis 50th Aniversary https://letstalkaboutelvis.blogspot.com/2013/11/elvis-50th-anniversary.html , que tem a famosa versão de Elvis rindo sem parar em Are You Lonesome Tonight? . Sobre todos esses discos eu já escrevi aqui, exceto o último que o texto é do amigo Daniel Tessari. Depois um amigo se desfez de uma ou outra revista e eu comecei a pensar em colecionar Elvis. Por volta da década de 90 eu conheci o filme That´s The Way It Is https://letstalkaboutelvis.blogspot.com/2014/03/thats-way-it-is-1970-o-filme.html , e foi então que eu percebi que quando a gente se aprofunda na obra do Elvis é um caminho sem volta. Mais alguns anos veio a internet onde conheci muita gente que também gosta de Elvis, conquistei novos amigos e falando sempre com eles a gente vai aprendendo mais e mais sobre Elvis. Elvis faz amigos através de sua música, sua obra até os dias de hoje. Eu estou tentando preparar esse texto da postagem de aniversário já há alguns dias, mas hoje na véspera no dia 07 que eu consegui terminar. Para ilustrar um pouco a postagem vou postar um pouco da minha coleção.